O ALIENADOR É O REAL ABUSADOR


O ALIENADOR É O REAL ABUSADOR (Pag. 67)
Ao fazer acusações de abuso contra o genitor alvo cria-se uma situação paradoxal na qual ao pretender proteger a prole de supostos abusos, o alienador tende a expor os filhos a situações vexatórias e traumatizantes, estas sim, verdadeiros abusos em que as crianças têm seu corpo expostos e examinado por diferentes pessoas; são levadas a delegacias onde falam e/ou ouvem sobre o suposto abuso, ouvem repetidamente perguntas sobre ações perversas cometidas pelo genitor alvo contra elas e assim por diante.
Os inculcadores da SAP dizem-se terrivelmente preocupados dom as crianças e afirmam que seu único desejo é protegê-las de traumas de prejuízos de toda a ordem, no entanto, além de tenderem a dificultar a própria perícia, o que é aparentemente um contra senso, eles próprios dificultam o exame das crianças, atemorizando-as em relação à figura do genitor alvo, não se compadecendo de seu sofrimento daí decorrente, as expondo de todas as maneiras que julgarem necessárias para tentar incriminar o genitor alienado.
Há mães que fazem acusações de abuso sexual em relação ao marido mas deixam claro que elas próprias nunca notaram nada na sexualidade do marido que lhes parecesse anormal ou estranha e que elas próprias nunca sofreram nenhuma espécie de abuso advindo de seu parceiro. Não são capazes de fornecer detalhes e quando o fazem são inconsistentes. Submetem os filhos a toda sorte de exposições para tentar demonstrar a culpabilidade do ex-cônjuge, mas são firmes quando afirmam que a anormalidade apareceu depois da separação, curiosamente e sugestivamente em situações em que o ex-cônjuge casou-se novamente, ou ascendeu algum degrau profissional, ou pretende aumentar sua visitação à prole.

Uma resposta para “O ALIENADOR É O REAL ABUSADOR

  1. Triste saber que isso acontece…. e ainda é difícil combater… há gerações! Um advogado uma vez me explicou que o papel do homem no direito é trazer ordem e limite quando não há… curioso que ainda se permita à mulher exercer esse descontrole!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s